Autocarro despista-se em Matosinhos e faz um morto e vários feridos

Autocarro despista-se em Matosinhos

Partilhe:

Translate


Um autocarro despistou-se e abalroou uma paragem de autocarro junto à doca e ao mercado de Matosinhos, na Avenida Engenheiro Duarte Pacheco, provocando um morto e vários feridos.

O alerta para o acidente foi dado às 15h22 desta quinta-feira. Pelas 16h, fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro do Porto transmitiu  que o despiste do autocarro, que embateu noutros dois veículos, provocou um morto, um ferido grave e dois ligeiros.

Mais tarde, já no local, o PÚBLICO confirmou a existência de quatro feridos. Dois deles eram motoristas dos veículos acidentados. Feridas ficaram também duas pessoas que se encontravam na paragem do metro: uma mulher com cerca de 70 anos, que ficou em estado grave, e outra com perto de 25 anos. Os feridos foram transportados para o Hospital Pedro Hispano.Autocarro despista-se em Matosinhos, dia 06 de Outubro 2016

Quanto à vítima mortal, o jornal apurou que se trata de uma senhora com perto de 70 anos, que se encontrava igualmente na paragem. O autocarro que se despistou terá abalroado uma paragem e embatido num autocarro, que por sua vez embateu num terceiro, quando ambos se encontravam parados junto a ela.

Pelas 16h45 encontravam-se no local do acidente cerca de meia centena de pessoas. Nessa altura o trânsito estava condicionado, mas o Metro do Porto continuava a circular.

O autocarro que se despistou era da empresa Resende. O PÚBLICO contactou a transportadora, que disse não dispor de qualquer informação sobre o sucedido.

Acidente autocarro Resende

in Público


Partilhe:

5 Comentários

  • Nem imaginas o quanto as camionetes tem de problemas >>> COITADOS DOS MOTORISTAS QUE TEM DE AGUENTAR >>>>

  • Não acham que será altura da empresa Resende ser investigada quanto à maneira em que os seus autocarros andam na rua?! Sem condições próprias para transporte de pessoas???

  • espero que agora infelizmente depois de haver mortes abram os olhos para ver o estado que esta empresa transporta as pessoas

Comentar