A carregar Eventos

« Todos os Eventos

  • Este evento já decorreu.

Museu aberto à noite, quinta feira, dia 29 de março

29 Março » 21:30

Gratuito
Salvé a Língua de Camões
Partilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Salvé a Língua de Camões

A difusão de dramaturgias em língua portuguesa pela leitura encenada é a característica manifesta do “Salvé a Língua de Camões“, projeto que visa repensar os espaços de democratização do teatro.  Diferente de um espetáculo, a leitura encenada trabalha a vertente e enraizamento de cariz popular, assim como a renovação cénica depurada; não distingue o espaço de plateia/espaço de representação. Ator, dramaturgia e espetador fazem este formato permeável, originando percepções ou modos de sentir o teatro como a arte mais próxima.  

Em março de 2018 acolhemos a dramaturgia de Cláudia Maria de Vasconcellos, com direção por William Gavião.
A leitura encenada de “A Espantosa Câmara de Espelhos do Senhor Ninguém”, tem como sinopse:
“Em coma, um autor teatral medíocre faz um balanço – misto de memória e delírio – de sua patética vida na arte”.

Sobre a autora:
Cláudia Maria de Vasconcellos é escritora e dramaturga, atuando nas áreas adulta e infanto-juvenil desde 1994. Doutora em Teoria Literária pela Universidade de São Paulo, com especialização em Literatura Dramática e Literatura Comparada pela FFLCH da Universidade de São Paulo, é Mestre em Filosofia, com estudo sobre Ética e Política em Michel de Montaigne.

Autora dos livros Teatro Inferno: Samuel Beckett (Ed. Terracota, 2012) e Samuel Beckett e seus duplos: espelhos, abismos e outras vertigens literárias (Ed. Iluminuras, 2017), O tesouro de Balacobaco (ED. Companhia das letrinhas, 2015) Terquídea e a Flor da Vida (Ed. Master Books, 2012); O cigano e o gigante (Ed. Prumo, 2010); As história de Marina (Ed. Global, 2008); A mulher no escuro (Ed. Ateliê, 2007), As roupas do rei e Inventa-Desinventa (ED. SM, 2007); Uma história da China (ED. Nova Alexandria, 2005). 

Agraciada com os prémios: Prémio de ensaio literário da Biblioteca Nacional, em 2017; Prémio Brasília de Literatura – 2ª lugar pela obra A Fome do Lobo, em 2014; La Escritura de la Diferencia, naBienal Internacional de Dramaturgia Feminina, Havana, 2012; Prémio Femsa como melhor autora com O Tesouro de Balacobaco, em 2007; Grande Prémio da Crítica APCA, pela obra Assembléia dos Bichos, em 2005 e Prémio MinC de Textos Teatrais Inéditos com o texto As Roupas do Rei, em 2001.

Atualmente é pesquisadora, em regime de pós-doutorado, da obra de Hannah Arendt, na Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo.

Salvé a Língua de Camões
Direção da Leitura: William Gavião.
Parceria: Companhia de Teatro Reator de Matosinhos e Câmara Municipal de Matosinhos.
Parceiros do projeto de dramaturgia: Centro de dramaturgia contemporânea de São Paulo; Teatre dels Argonautes, Barcelona.
CE: maiores de 12 anos

Informações: casadobosque@cm-matosinhos.pt
Museu da Quinta de Santiago
Rua de Vila Franca, 134 | Leça da Palmeira, Matosinhos
telf.: 229392410


MAIS VISTOS:

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Detalhes

Data:
29 Março
Hora:
21:30
Custo:
Gratuito
Categoria de Evento:

Local

Museu da Quinta de Santiago
Rua Vila Franca 134
Leça da Palmeira, Matosinhos 4450-802
+ Mapa do Google
Telefone:
22 939 2410

OFERTAS DE ALOJAMENTO:


Booking.com