Ainda o Lugar de Gonçalves, em Leça da Palmeira

lugar de Gonçalves, em Leça da Palmeira

Partilhe:

Translate


Joaquim MonteiroMuitas vezes ao cruzar-me com leceiros que residem no lugar de Gonçalves, estes pedem-me para que continue a falar desse lugar de Leça da Palmeira e a apontar as obras de que carece. Referem que continuam a sentir-se esquecidos pelos autarcas e que pouco ou nada tem sido feito para solucionar os seus problemas.

Tenho aproveitado esta oportunidade que o sítio leca-palmeira.com me proporciona para alertar para algumas das principais necessidades que afetam as pessoas que residem neste lugar, que por acaso até é um dos mais tradicionais da freguesia de Leça da Palmeira. Fi-lo no passado e certamente que continuarei a fazê-lo enquanto nada for feito por quem tem essa obrigação.

Uma das principais reivindicações da população de Gonçalves são as ruas. Continuamos a ter ruas sem passeios, com valetas a céu aberto, com paralelo muito irregular. Estamos a falar de uma população maioritariamente idosa, alguns com dificuldades de locomoção e que têm de circular pela rua, com todos os perigos daí inerentes.

Acresce que as ruas são mal iluminadas, sinuosas, algumas estreitas e, embora o número de automóveis que por elas circulam não seja muito intenso, o perigo é enorme.

Depois temos a questão dos transportes. Não há transportes públicos que sirvam Gonçalves. Os moradores de Gonçalves têm de ir apanhar a camioneta à rua Veloso Salgado, o que significa uma viagem a pé de quase um quilómetro. Claro que podem vir diretamente pela rua de Vila Franca até à rua Óscar da Silva. A distância não será muito maior e estaria quase no centro de Leça da Palmeira. O problema é que a rua de Vila Franca enferma dos mesmos males que afetam as ruas de Gonçalves: péssima iluminação, piso irregular, falta de passeios.

A tristeza dos moradores é ainda maior pois os nossos governantes autárquicos estão a par de todos estes problemas e por diversas vezes prometeram solucioná-los. Lembro-me, por exemplo, de ler por mais de uma vez no Plano Anual de Atividades da Junta de Freguesia intervenções no Lugar de Gonçalves. Só que nunca saíram do papel. Como aconteceu este ano, mesmo tendo sido ano de eleições.

Por outro lado, a tão proclamada criação dos zeladores, a sua famosa intervenção rápida e próxima das pessoas, de nada serviu à população de Gonçalves. Mesmo sendo um desses zeladores morador no Lugar de Gonçalves.

Agora vem aí um novo Plano Anual de Atividades da Junta de Freguesia. Certamente que as obras em Gonçalves constarão desse Plano, quanto mais não seja por não terem sido realizadas e, por uma questão de lógica, deverão transitar para o ano seguinte. Mas o que mais agradava às pessoas de Gonçalves era que desaparecessem do Plano, não por esquecimento, mas terem sido executadas.

Até à próxima semana.

Saudações leceiras
Joaquim Monteiro


Partilhe:

Comentar