Matosinhos Surf Camp abre as portas para o mundo

Matosinhos Surf Camp

Partilhe:

Translate


MATOSINHOS SURF CAMP alojamento, aulas e cursos de surf

Já imaginou poder surfar de manhã, fazer um passeio cultural à tarde e descobrir as maravilhas da gastronomia portuguesa à noite? Agora é bem mais fácil graças ao MATOSINHOS SURF CAMP, que hoje, dia 23 de Abril, abre as suas portas para o mundo.

A Fish Surf School e a Fishtail Sea House juntam-se para ‘vender os seus peixes’ e o melhor peixe do mundo, oferecendo através do MATOSINHOS SURF CAMP alojamento, aulas e cursos de surf e uma localização geo-estratégica junto aos melhores restaurantes da zona e da Praia de Matosinhos.

Matosinhos Surf Camp

Matosinhos é um destino que oferece excelentes condições para aprendizagem de surf, 365 dias de surf por ano, 366 se o ano for bissexto. Aqui, o surf e o lifestyle são complementados pela excelente gastronomia sem igual, com o melhor peixe do mundo (World’s Best Fish) e um vasto património arquitectónico.

Próxima ao Parque da Cidade, com uma excelente marginal, utilizada para vários desportos ao ar livre, animada a qualquer hora do dia ou da noite, bem servida de transportes públicos, é uma praia muito requisitada no Norte. Matosinhos é uma das zonas litorais da cidade do Porto, sendo possível aos visitantes aproveitar esta proximidade à cidade, com alta dinâmica cultural, vida nocturna e ligações aéreas com a maioria das cidades europeias.

Matosinhos Surf Camp

Existem excelentes spots mais ao Norte e a uma curta distância, como Leça da Palmeira e Aterro e ao Sul, como Espinho e Maceda, com grandes ondas (algumas de qualidade mundial) para os surfistas mais experientes.

Matosinhos é o maior cluster europeu de restaurantes por metro quadrado, reunindo uma oferta gastronómica sem paralelo. Considerada a sala de jantar da zona metropolitana do Porto, Matosinhos mantém a tradição, servindo mariscos frescos de grande qualidade e, acima de tudo, o peixe fresco que diariamente vem da lota de Matosinhos e da lota de Angeiras. Desde a tradicional sardinha assada na brasa à mais requintada cozinha internacional, sem esquecer o marisco, aqui vai encontrar aproximadamente 600 restaurantes, muitos deles com aprazíveis esplanadas.

Matosinhos foi o maior centro conserveiro nacional, porque tem tradição do mar, do peixe e dos pescadores. Por isso, a Fish Surf School escolheu o seu nome como homenagem à história e à cultura locais. A Fishtail Sea House usou os mesmos argumentos para a escolha do nome.

multidesportos


Partilhe:

Comentar