Julho, o mês de todas as festas para os leceiros

Piratas Invadem Leça

Partilhe:

Translate


Joaquim MonteiroJulho, mês de férias para muitos portugueses. Para outros, a antecâmara das férias. Para nós, leceiros, “o mês de todas as festas”.

Para começar o mês em festa tivemos a EDP Beach Party. Agora já não bem em território leceiro, pois o palco está na zona da Aldeia Nova, Perafita, não deixa de ser um festival associado às praias de Leça, até porque grande parte dos jovens (e alguns menos jovens, mas que gostam de festivais e de música) «acampam» em terras leceiras. Confesso que até acho piada a ver as zonas arrelvadas entre o farol e a ETAR, em ambos os lados da avenida, cheias de tendas. Pelo menos torna a paisagem diferente durante este fim de semana em que decorre o festival.[su_spacer]

Os Piratas - Leça da Palmeira

[su_spacer]No próximo fim de semana (7 a 9 de julho) teremos os piratas. Na linha das edições dos anos anteriores, Leça da Palmeira, mais concretamente a área envolvente ao Forte Nossa Senhora das Neves, será invadida por piratas, soldados, marinheiros, saltimbancos, carpinteiros, tanoeiros, ferreiros e muitas outras profissões artesanais. Não faltarão igualmente as barraquinhas de «comes e bebes», de bugigangas, de variados tipos de artesanato e as videntes para nos ler o futuro.[su_spacer]

A edição deste ano da recriação histórica terá como ponto de referência a fortificação com mais de mil anos, recentemente descoberta em Perafita e que veio relembrar que as costas litorais portuguesas eram muitas vezes «visitas» pelos piratas, fossem eles mouros, franceses, ingleses, holandeses ou viquingues. Daí a importância dos fortes que se encontram espalhados pela nossa costa.[su_spacer]

[su_spacer]Depois teremos o FESTARTE. Este festival internacional de folclore é, há muitos anos, um símbolo de Leça. Organizado pelo Rancho Típico da Amorosa, é considerado um dos melhores do país e mesmo da Europa. Ainda não consegui saber o programa oficial, nem os grupos convidados, mas posso adiantar desde já no dia 2 de agosto, no Centro Social padre Ramos, em Lavra, as Galas Sénior; no dia 3 de agosto as Oficinas de Dança, no adro da igreja paroquial de Leça da Palmeira e o Encerramento, no dia 6 de agosto, no Parque Basílio Teles, em Matosinhos.[su_spacer]

Festas de Santana

[su_spacer]Nos restantes dias deverá, como de costume, haver animação na feira de artesanato que decorrerá em Leça da Palmeira, no final de julho, integrada nas Festas de Santana.[su_spacer]

E dito isto, passo a referir as Festas de Santana, que decorrerão nos últimos dias do mês, no jardim Engenheiro Fernando Pinto de Oliveira. Como de costume haverá animação musical e de dança (que não só a do FESTARTE), mas também a feira de artesanato e barraquinhas de «comes e bebes» de diferentes associações e coletividades.[su_spacer]

Este ano a grande novidade será a comemoração das festas de S. Miguel simultaneamente com as de Santana. Haverá uma procissão, que sairá da capela de Santana para a igreja e que levará os andores de Santa Ana e de S. Miguel.[su_spacer]

S. Miguel - Leça da Palmeira

[su_spacer]Estejamos atentos que brevemente sairão os programas oficiais de todas estas festividades que tornarão o mês de julho num mês especial para os leceiros, com variados motivos para sair à rua e aproveitar para dar uns passeios, deixando os automóveis em casa.

Até à próxima semana.

Saudações leceiras
Joaquim Monteiro


Partilhe:

2 Comentários

  • Um muito obrigado por revelar o programa das Festas em Leça da Palmeira.
    Relativamente ao tema “Os Piratas” gostaria de sugerir que as pessoas procurassem vestir-se à pirata para melhor sentirem o espírito desta recriação histórica. Eu já o faço desde que esta iniciativa tem lugar e acho que devia ser alargado a mais pessoas. Até talvez uma iniciativa organizada pela Junta de Freguesia. Que tal dr.Pedro Sousa esta proposta? Cumprimentos.

Comentar