Treinador do Padroense (sub-17) morre de forma súbita aos 36 anos

Nuno-Guedes-Treinador-Padroense

Partilhe:

Translate


O Padroense está em choque com a morte de Nuno Guedes, treinador dos sub-17 do clube que compete na 1.ª divisão do campeonato distrital do escalão.

O responsável por aquela equipa de formação do emblema do Padrão da Légua, em Matosinhos, sentiu uma indisposição logo depois de acordar e, apesar das tentativas de socorro por parte da mulher e do filho, acabou por falecer aos 36 anos.

A notícia deixou incrédulas todas as pessoas ligadas ao Padroense, tendo o clube decidido suspender todas as atividades em homenagem a Nuno Guedes. “Era uma pessoa muito estimada e nada fazia prever um desfecho como este. Foi mesmo eleito recentemente como o nosso treinador do ano de 2018“, referiu ao nosso jornal o presidente dos matosinhenses, Germano Pinho.

As causas da morte ainda não são conhecidas, dado que o INEM se limitou a registar o óbito quando compareceu na residência de Nuno Guedes, sem ter conseguido proceder à sua reanimação. As formalidades fúnebres serão cumpridas nos próximos dias.

Entretanto, a consternação generalizada ante o trágico falecimento tem provocado uma onda de solidariedade nas redes sociais, sendo particularmente notadas as manifestações de dor por parte de elementos ligados a outros clubes.

Record


Partilhe:

Comentar