Grande Porto

Docente da Católica é uma das cientistas mais citadas do mundo

Célia Manaia - Docente e Investigadora

Célia Manaia, docente da Escola Superior de Biotecnologia destaca-se, ainda, pelo trabalho no campo da resistência de bactérias aos antibióticos


Célia Manaia, investigadora do CBQF – Centro de Biotecnologia e Química Fina da Universidade Católica Portuguesa, é uma das cientistas mais citadas do mundo. A docente encontra-se entre os 12 portugueses que integram a lista elaborada pela empresa norte-americana Clarivate Analytics – “Highly Cited Researchers 2020” –, que, este ano, distinguiu mais de 6.100 investigadores, ou seja, cerca de 0.1 por cento de todos os cientistas do mundo, em 21 áreas de investigação.

Na lista da Clarivate – empresa especializada em gestão de informação científica – figuram apenas pouco mais de uma dezena de cientistas nacionais. Célia Manaia, que se tem dedicado à investigação desenvolvida em Portugal na área da microbiologia, concretamente no campo da resistência de bactérias aos antibióticos, representa a Universidade Católica Portuguesa neste ranking tão relevante a nível nacional e mundial.

Célia Manaia e a investigação na área da microbiologia

Para Célia Manaia, “é muito gratificante integrar esta lista e assim contribuir para dar a conhecer a investigação nacional no panorama internacional”. “Um dos aspetos mais fascinantes de fazer investigação científica é poder trabalhar com e para colegas de todo o mundo que partilham os mesmos interesses e preocupações”, afirma. E acrescenta: “ao longo das últimas décadas, a investigação científica feita em Portugal teve um desenvolvimento incrível, tendo adquirido uma robustez e impacto reconhecidos internacionalmente nas mais diversas áreas. Porém, hoje a exigência de financiamento e de permitir aos investigadores e às instituições planear as suas atividades a médio-longo prazo, bem como a necessidade de premiar o mérito, são muito maiores do que eram há 20 ou 30 anos. Não responder de modo integrado a todas estas exigências será deixar cair muito do que se conquistou em Portugal nos últimos anos.”

Estados Unidos da América, China, Reino Unido e Alemanha são os países mais representados no ranking deste ano. Acrescente-se, ainda, que a lista inclui 26 Prémios Nobel. A compilação realizada pela Highly Cited Researchers 2020 analisa os cientistas que se encontram referenciados no repositório Web of Science.


  •  
    1
    Share
  •  
  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •