FESTARTE 2024: Programa Festival Internacional de Folclore de Matosinhos

Festarte cartaz
Partilhe:

Translate

O FESTARTE 2024 está a poucos dias do regresso, no ano da 25ª edição.


O Festarte 2024 está aí para uma inesquecível partilha de artes e tradições populares. De 26 de Julho a 4 de Agosto, Matosinhos volta a receber grupos vindos de vários pontos do Mundo. Este ano será ainda mais especial que os anteriores porque o evento comemora 25 anos de realizações.

Na sua 25ª edição, o FESTARTE faz novamente de Matosinhos um centro onde convergirão as tradições etnográficas, gastronómicas e culturais de comunidades humanas provenientes de diferentes continentes. Os grupos que nos visitam nesta edição chegam-nos do Botswana, Costa do Marfim, Espanha, Estados Unidos da América, Índia, Paraguai, Macedónia, Polónia e República Checa.

Pela primeira vez, para além da certificação CIOFF (Comité Internacional de Organizadores de Festivais de Folclore), o FESTARTE apresentará também a certificação FIDAF (Federação Internacional de Festivais de Dança), motivo de orgulho para o Rancho Típico da Amorosa com “acréscimo de responsabilidade”.

Como disse o saudoso Dr. Carlos Morais, o certamepermitirá levar Matosinhos a todos os cantos do mundo e, simultaneamente, dar a conhecer à população do concelho a diferença e o exotismo de outras culturas.

A VII Mostra Internacional de Trajes estará patente no edifício da Câmara Municipal de Matosinhos, do dia 26 de Julho a 04 de Agosto.
A Mostra de Artesanato do Festarte irá funcionar nos dias 30 e 31 de Julho e 01 e 03 de Agosto, no Parque Engenheiro Fernando Pinto de Oliveira, em Leça da Palmeira.

Festarte - Matosinhos - Portugal

Programa FESTARTE 2024

(brevemente)

Rancho Típico da Amorosa
Rancho Típico da Amorosa

Sobre o Rancho Típico da Amorosa (organizador)

O Rancho Típico da Amorosa nasceu na atual União de Freguesias de Matosinhos – Leça da Palmeira, num lugar chamado Amorosa, no longínquo ano de 1935.

São 87 anos sempre na salvaguarda do Património Imaterial da Humanidade, levando o nome de Leça da Palmeira, juntamente com os seus costumes e tradições, aos quatro cantos do mundo, como atestam as inúmeras participações de norte a sul do país, em toda a Europa, na Ásia e na América Latina.

O Rancho Típico da Amorosa representa essencialmente o Folclore Maiato, uma vez que o Lugar da Amorosa estava, há época em que o grupo representa, meados / finais do século XIX, inserido nas antigas Terras da Maia, o que naturalmente influencia o trajar e o reportório que atualmente o grupo apresenta.

No campo das recolhas musicais, o Rancho Típico da Amorosa, contou nos primeiros anos de existência com a preciosa ajuda do etnomusicólogo Professor Armando Lessa, ilustre leceiro que muito contribuiu para a etnografia e musicalidade e do Folclore nacional.

O Rancho Típico da Amorosa é organizador do FESTARTE (Festival Internacional de Artes e Tradições Populares de Matosinhos), festival CIOFF (uma ONG que goza de estatuto B junto da UNESCO); é também sócio fundador da Federação do Folclore Português; tem sido ao longo dos anos distinguido por diversos órgãos públicos e privados, pelo seu mérito e serviço à Cultura Popular Portuguesa.


Partilhe: