Paróquia

Liturgia Familiar: Solenidade de Pentecostes – Ano B

Pentecostes

LITURGIA FAMILIAR

Vinde Espírito Santo

Neste Pentecostes 2021, o Espírito Santo é um dom e uma presença de amor divino que nos impele a enfrentar a novidade deste tempo e nos lança no mundo para darmos testemunho de Cristo vivo.
Na Eucaristia, deixemos que o mesmo Espírito Santo, que converte a diversidade dos fiéis num só Corpo e converte o pão e o vinho no Corpo e Sangue do Senhor, transforme o nosso coração e nos dê novo fôlego para a missão.
Acontecerá, verdadeiramente, se nos libertarmos dos ‘medos e correntes’ que têm trazido muitos dos nossos cristãos aprisionados a facilitismos e comodismos que não se coadunam com a verdade do nosso ser cristão. Isto não quer dizer, que tenhamos de facilitar nas medidas de proteção. Antes pelo contrário: elas hão de estar sempre presentes, pois até nisto a Igreja tem sabido ser exemplar.

SAUDAÇÃO

Estamos a concluir a cinquentena pascal, com a grande solenidade do Pentecostes. O Espírito Santo é derramado sobre a comunidade reunida em volta dos Apóstolos. É o sopro deste Espírito que põe fim ao ‘confinamento’ da primeira Igreja e abre todas as portas e janelas com novas vistas e novos caminhos para a missão.

Guia: Em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo.

Todos: Ámen.

PEDIMOS PERDÃO

Guia: Limpa os meus olhos com o sopro do Espírito Santo, para que eu possa ver e reconhecer os dons do Teu amor, as maravilhas da Criação: Senhor, misericórdia!

Todos: Senhor, misericórdia!

Guia: Lava os meus olhos com os rios de água viva do Teu coração, para que eu possa dar de beber a quem tem sede do Teu infinito amor: Cristo, misericórdia!

Todos: Cristo, misericórdia!

Guia: Cura os meus olhos com o colírio do Teu amor, para que eu possa recuperar a visão da esperança em tempos tão desafiantes: Senhor, misericórdia!

Todos: Senhor, misericórdia!

ACOLHEMOS A PALAVRA

LEITURA DOS ATOS DOS APÓSTOLOS – 2, 1-11

“Quando chegou o dia de Pentecostes,
os Apóstolos estavam todos reunidos no mesmo lugar.
Subitamente, fez-se ouvir, vindo do Céu,
um rumor semelhante a forte rajada de vento,
que encheu toda a casa onde se encontravam.
Viram então aparecer uma espécie de línguas de fogo,
que se iam dividindo, e poisou uma sobre cada um deles.
Todos ficaram cheios do Espírito Santo e começaram a falar outras línguas,
conforme o Espírito lhes concedia que se exprimissem.
Residiam em Jerusalém judeus piedosos,
procedentes de todas as nações que há debaixo do céu.
Ao ouvir aquele ruído, a multidão reuniu-se e ficou muito admirada,
pois cada qual os ouvia falar na sua própria língua. […]”.

PARTILHAMOS A PALAVRA

No domingo, iniciamos esta ‘série’ sobre o Espírito Santo, promessa do Ressuscitado. Precisamos de O conhecer melhor, a fim de aprendermos a perceber as múltiplas expressões dos Seus dons e dos Seus frutos: Caridade, alegria, paz, paciência, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão, temperança, são alguns desses frutos referidos na Carta aos Gálatas.
Pensemos na aplicação desses e de tantos outros frutos em pessoas, em grupos, em diversas coletividades e instituições. Em cada tempo, o Espírito Santo continua a distribuir os Seus dons e a suscitar novos frutos de criatividade e vitalidade, na vida da Igreja e no mundo.
Caminhar segundo o Espírito é viver a alegria e a esperança aplicadas às mais diversas circunstâncias da vida. Antes de tudo, é livrar-se do pessimismo, que tantas vezes quer entrar no coração, no modo como acolhemos e interpretamos o mundo. Depois, é acolher a força que cria e alenta a vida nova, é receber o impulso que reclama ação criativa e fecunda. A “forte rajada de vento, que encheu toda a casa” continua a fazer sentir a sua presença, continua a desafiar-nos a “falar outras línguas” como profetas de vida e de esperança.
Caminhemos segundo o Espírito Santo! Invoquemo-lo hoje, de modo especial: “Vem, ó Santo Espírito, vem, Amor ardente, acende na terra tua luz fulgente”. E continuemos a invocá-lo em todos os momentos e em todos os dias da nossa existência terrena.

APRESENTAMOS AS NOSSAS PRECES

Guia: O Espírito Santo vem em auxílio da nossa fraqueza, porque não sabemos o que pedir nas nossas orações. Em dia de Pentecostes, invoquemos sobre nós e sobre o mundo: Vem, ó Santo Espírito, vem Amor ardente!

  • Para que a Igreja abra as portas e saia corajosamente a anunciar a Boa Nova da Páscoa, na língua materna do amor, invoquemos:

Todos: Vem, ó Santo Espírito, vem Amor ardente!

  • Para que os governantes, em tempos de pandemia, estejam à altura de reconstruir o mundo como verdadeira Casa Comum, respirável e habitável para todos, invoquemos:

Todos: Vem, ó Santo Espírito, vem Amor ardente!

  • Para que os mais jovens colaborem com coragem criativa na missão da Igreja, sobretudo através da língua digital e das novas linguagens das artes e do desporto, invoquemos:

Todos: Vem, ó Santo Espírito, vem Amor ardente!

  • Para que a nossa família se torne, para todos os seus membros, lugar de comunhão e cenáculo de oração, autêntica escola do Evangelho e verdadeira ‘igreja doméstica’, invoquemos:

Todos: Vem, ó Santo Espírito, vem Amor ardente!

[acrescenta a tua intenção], invoquemos:

Todos: Vem, ó Santo Espírito, vem Amor ardente!

Guia: Rezamos como Jesus Cristo nos ensinou:

Todos: Pai nosso…

ASSUMIMOS UM COMPROMISSO

Guia: O Espírito Santo desafia-nos a assumir novos meios, novas formas, novos recursos, novos ministérios, novas práticas. É preciso “sairmos da própria comodidade e termos a coragem de alcançar todas as periferias que precisam da luz do Evangelho” (Papa Francisco). Que atitudes criativas permito que o Espírito Santo desperte em mim e através de mim?
Bendigamos o Senhor!

Todos: Graças a Deus! Aleluia! Aleluia!

BÊNÇÃO DA FAMÍLIA E DA MESA (Para rezar antes da refeição em família)

Guia: Espírito Santo, és o Senhor que dá a vida!
Espírito Santo, és fonte de criatividade!
Faz de todos nós, que comemos do mesmo pão,
um só corpo, um só coração, uma só alma,
para nos tornarmos uma família unida e reunida
pelo vínculo santo do Teu amor.

Todos: Ámen.

Por: Padre Francisco Andrade
Pároco de Leça da Palmeira


RELACIONADOS:

Partilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  • 1
  •  
  •  
  •  
    1
    Share
  •  
  •  
  •  
  • 1
  •  
  •  
  •  
  •